Pesquisar este blog

quinta-feira, 31 de janeiro de 2008

Homenagem - I

"Não há heróis da ação, só há heróis da renúncia e do sofrimento."

***
Albert Schweitzer nasceu no dia 14 de janeiro de 1875, na Alsácia entre a França e a Alemanha. Formou-se em Teologia e Filosofia, foi também um dos melhores intérpretes de Bach e uma autoridade na construção de órgãos. Aos 30 anos (em 1905), já era reconhecido em toda Europa e trabalhava numa das mais notáveis universidades européias, resolve estudar medicina para ajudar os africanos das colônias francesas que sofriam sem qualquer assistência. Após forma-se em Medicina e casar-se, largou tudo que tinha na Europa e foi trabalhar em Lambarené (no atual Gabão) como médico. Tratava de mais de 40 doentes por dia e ainda ensinava o Evangelho com uma linguagem apropriada, dando exemplos tirados da natureza. Construiu um Hospital local e obteve ajuda de vários Enfermeiros e Médicos. Em 1952 recebeu o Prêmio Nobel da Paz, como humilde homenagem a um "Grande Homem". Faleceu em 04 de setembro de 1965 em Lambarené, aos 90 anos.
Importante dizer que sua esposa, Helene Schweitzer, era Enfermeira formada, apoiou, atuou e trabalhou ao lado de seu marido por toda sua vida, foi uma "Grande Mulher" e uma Grande Alma.

Um comentário:

Eternessências disse...

Tantas vezes ouvi estas palavras sendo pronunciadas com tal vibração na tribuna de nossa Escola,que ainda hoje, sem muito esforço, posso tornar a ouvi-las por dentro do coração!...
Saudades dessa voz paternal!...
Paz!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...