Pesquisar este blog

quarta-feira, 18 de junho de 2008

Uma Homenagem, Uma Gratidão

"Não desprezemos, porém, o tempo, a lastimar o passado (...). Estendei vosso braço às filhas dos pais anônimos, ou dos lares desprotegidos da fortuna!... Abracemo-nos com os miseráveis, repartamos nosso pão para mitigar a fome alheia! Trabalhemos pelos pobres e pelos desgraçados, pois a caridade material, tão fácil de ser praticada, nos levará ao conhecimento da caridade moral que nos transformará em verdadeiros discípulos do Cordeiro. Amemos muito!... Todos os apóstolos do Senhor são unânimes em declarar que o bem cobre a multidão de nossos pecados! Toda vez que nos desprendemos dos bens deste mundo, adquirimos tesouros do Alto, inacessíveis ao egoísmo e à ambição que devoram as energias terrestres. Convertei o supérfluo de vossas possibilidades financeiras em pão para os desgraçados. Vesti os nus, protegei os órfãozinhos! Todo o bem que fizermos ao desamparado constitui moeda de luz que o Senhor da Seara entesoura para nossa alma. Um dia nos reuniremos na verdadeira pátria espiritual, onde as primaveras do amor são infindáveis. Lá, ninguém nos perguntará pelo que fomos no mundo, mas seremos inquiridos sobre as lágrimas que enxugamos e as boas ou más ações que praticamos na estância terrena."
Irmão Marinho
(Cristão do século II)
*****
Em Lembrança do dia 18 de junho de 2008
(Texto colhido das páginas do livro 50 Anos Depois,
de autoria de Emmanuel)
(Foto - desconheço autor)

4 comentários:

Ela disse...

Acredito fielmente , que estamos aqui, para fazer o bem!

Carol Timm disse...

Benja,

Ainda vou ter que evoluir muito para fazer o bem dessa forma...

Mas acredito na bondade e que haverá uma humanidade maior do que a que conhecemos.

Beijos amigo e bom final de semana!
Carol

Eternessências disse...

Meu bom amigo Benja:
As palavras abençoadas do Irmão Marinho nos indicam um caminho de luz... Fortaleçamos nossa vontade para trilhá-lo.
Gratidão,
Rose.

P.S. Passa lá no Eternessências... Deixei um selinho para você!

Marilac disse...

Benja,
Sábia lição a de não desperdiçarmos o tempo a lastimar o passado...Existe tanto a ser feito, tantas pessoas que precisam de uma palavra, de um abrigo,de um pão...
E é preciso começar dentro da nossa própria casa...
Diariamente temos oportunidades de nos aperfeiçoar.
Deus é um professor paciente,mas exigente...algumas lições simplesmente precisam ser assimiladas.
E um dia vamos estar face a face e ele nos perguntará exatamente o que o irmão Marinho diz

bjs
Marilac

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...